Uma ida ao cerrado

Image and video hosting by TinyPic

Andando pelas estradas do cerrado posso sentir o cheiro da minha infância, ao fechar os olhos posso sentir o calor do fogão de lenha, o cheiro do biscoito de queijo e o perfume do café fresco, já imagino as flores do piqui, o perfume da dama da noite e essa é realmente a tradução do cerrado que tenho em minhas lembranças! O cerrado é sem dúvidas pra mim encantador!

Logo estarei visitando a todos novamente, e deixo aqui meu muito obrigada pelas visitas e pelos emails, já estou aos poucos respondendo, foi uma viagem legal e também com alguns atropelos mas tudo está bem, vou contando tudo aqui na medida do possível.

Anúncios

12 comentários sobre “Uma ida ao cerrado

  1. Tem cheiros e sabores que nos remetem a infância,tão logo sentidos né?!=)Estava com saudades dos seus posts..Que bom que estás de volta..Beijo grande..e um ”xero” no fofo do Rafa..Fiquem com Deus..

  2. Aiii que saudade do Cerrado!!! Morei em Brasília por 3 anos e corri muito de carro por estas bandas e o cerrado é a coisa mais linda, presenciei vários florações em períodos diferentes. Adoro o chuveirinho e aquela vermelha que esqueci o nome agora.Aproveite bastante.Bjks

  3. Bem vinda ao lar, amiga! Menina, viajei para o cerrado também com esta sua descrição de cheiros e comidas! Hummmm! Mal posso esperar para saber mais detalhes da viagem, querida! Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s