Batata recheada com chilli e queijo tipo cheddar

Image and video hosting by TinyPic

Já faz algum tempo, eu o Julio e Rapha fomos almoçar no shopping para depois ir ao cinema e foi aí que vi a novidade numa grande rede de fast food que ficou famosa por suas batatas assadas, esse recheio me chamou bastante a atenção. Falou em chilli já me chamou logo de cara, e logo já estava resolvido o almoço, e a danada da batata estava gostosinha, mas tenho que dizer que fazer a receita em casa me rendeu um resultado milhões de vezes melhor. Fora que são tão faceis de serem feitas em casa que nem merecem ser apreciadas fora de seu aconchegante lar doce lar.

Para receita utilizei:

  • 2 batatas grandes
  • Azeite
  • Sal e pimenta moídos na hora
  • Requeijão tipo cheddar
  • 250 g de carne moída
  • 1 cebola grande picadinha
  • 1/2 pimentão vermelho bem picadinho
  • 1 lata de tomates pelados
  • 1 dente de alho grande picadinho
  • Pimenta calabresa, pimenta dedo de moça fresca sem sementes picadas
  • Salsinha
  • Papel alumínio

Lave bem as batatas e deixe com a casca, embrulhe bem no papel alumínio e leve ao forno baixo para assar até que estejam macias, isso leva em média uns 40 minutinhos. Enquanto isso refogue a carne moída, junte a cebola, pimentão, sal e pimentas e deixe refogar bem. Depois disso junte os tomates pelados e deixe o molho apurar só no final adicione a salsinha. Verifique se a batata já está macia, coloque num recipiente que já vai ser servida, parta ao meio e regue com azeite, coloque um pouquinho de pimenta moída na hora e passe uma boa colherada de requeijão tipo cheddar, cubra com o chiili e regue um bom azeite por cima e sirva assim bem quentinha.

Jiló empanado

Image and video hosting by TinyPic

Tem feito dias bem quentes e para acompanhar o suco ou a coca zero (risos), um petisco muito saboroso e sequinho é esse jiló. Agora se for consumir como um acompanhamento no jantar, coloque um belo molho de tomates, cubra com parmesão ralado na hora e leve ao grill do forno para gratinar.

  • 300 g de jiló em fatias finas
  • 3 colheres (sopa) de farinha de trigo
  • 2 ovos
  • Farinha de rosca
  • Sal e pimenta-do-reino
  • Óleo para fritar

Com o jiló já fatiado, coloque em um recipiente cheio de água e deixe de molho por 10 mts, troque a água e refaça o mesmo processo por três vezes, depois de passado esse processo, escorra bem e tempere com sal e pimenta, passe na farinha de trigo, depois nos ovos (levemente batido e levemente temperados com sal e pimenta) e por último passe na farinha de rosca, depois é só fritar aos poucos no óleo quente. Deixe escorrer e siva com molhinho de pimenta.

*Quero muito agradecer as manifestações de carinho que ainda venho recebendo. E dizer que estou enjoando um pouco, também com a pressão um pouco baixa mas estou firme e vou continuar tentando manter a cozinha atualizada.

Recebendo os amigos com um azeite aromatizado

Image and video hosting by TinyPic

Acho essa uma maneira simples e genial de receber os amigos em casa, enquanto prepara ou termina o seu jantar eles podem ir bebendo algo acompanhado de um bom pãozinho que vai tomando um pequeno banho neste perfumado azeite. Algo tão simples e tão encantador. Podem acreditar em mim, vai fazer sucesso!

  • 500 ml de azeite extra virgem
  • 3 ramos de alecrim fresco
  • 1 colher (sopa) de sal grosso
  • 3 pimentas dedo-de-moça (eu utilizei pimenta de cheiro, creio que aqui em Sampa se chama pimenta bode)
  • 2 dentes de alho com a casca levemente amassado
  • 3 tirinhas de casca de limão
  • Um toque de pimenta do reino moída na hora

Na véspera, misture o azeite com os demais ingredientes. Sirva acompanhado com fatias de pães.

*Fonte: Revista Claudia Comida e Bebida.

Bolo de pera e gengibre com calda de amêndoas

Image and video hosting by TinyPic

Primeiro quero muito agradecer todo o carinho que recebi e dizer que aos poucos vou contando pra vocês as novidades!

E vamos continuar pilotando o fogão né?! (risos). Esses dias fiquei namorando esse bolinho e pensando no perfume e mistura de sabor do mesmo. Ao retirá-lo do forno já tive a certeza que ficaria mesmo apaixonada por ele, pois estava fofinho, com a mistura do crocante das amêndoas e essa calda gelada é mesmo imperdível.

  • 9 colheres (sopa) de açúcar
  • 6 colheres (sopa) de óleo de soja
  • 1 pitada de sal
  • 2 ovos grandes
  • 3 peras médias, maduras, picadas
  • 1 colher (sopa) de gengibre em pó
  • 1 colher (sopa) de uva passa branca sem sementes
  • 3 colheres (sopa) de amêndoas em lâminas
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 2 colheres (sopa) de água
  • Manteiga para untar as forminhas

Para calda :

  • 1 lata (330 g) de creme de leite com soro
  • 1 colher (chá) de essência de amêndoa
  • 1 colher (sopa) de licor de amêndoa
  • 1 colher (sopa) de açúcar

Com um batedor de mão (fouet), bata o açúcar, o óleo e o sal. Misture os ovos. Junte a pera, o gengibre, a uva passa e a amêndoa. Adicione a farinha, o fermento e a água. Em formas de muffins, untadas com manteiga e polvilhadas com farinha de trigo coloque a massa, polvilhe por cima de cada bolinho amêndoas em lâminas e leve ao forno médio, preaquecido, por 20 minutos. E asse até dourar, faça o teste do palito. Retire do forno, desenforme sobre uma grade e aguarde esfriarem.

Para calda: Em uma tigela, misture o creme de leite, a essência de amêndoas, o licor e o açúcar. Leve à geladeira por uma hora. Depois dos bolinhos frios e desenformados, sirva coberto com a calda gelada.
Rende – 15 bolinhos.

*Fonte – Revista Claudia Cozinha

Uma carne de lata e uma lembrança muito forte

Image and video hosting by TinyPic

Foi por meio de comentário de uma leitora muito gentil que cheguei até essa empresa, e eles me mandaram a carne de lata e paçoca feita com a borra da carne de lata que eles comercializam. A borra da carne nada mais é do que aquela carne que fica grudadinha no fundo da panela e paçoca é melhor versão de farofa que já comi na vida! Agora a carne de lata deles é igualzinha a que comia na infância e enquanto aquecia, sentia aquele cheirinho e já começava a me emocionar.

Quero dizer para todos que passam por aqui, visitem o site e não percam a chance de comprar uma legítima carne de lata, pois eu nunca mais vou poder ficar sem (risos). Eles tem um sistema de vendas pelo site e enviam o produto que chega até você perfeito.

Muito obrigada ao Douglas que foi quem me atendeu!

Um super obrigada também a minha querida leitora que não me deixou o nome no comentário mas penso que passa por aqui e por isso já deixo meu agradecimento.

Site da empresa – http://www.carnenalata.com.br ou http://www.deferropanelas.com.br
Para falar direto com a empresa ou com o Douglas que foi quem me atendeu fica aí o telefone – (37) 3222 2055

Image and video hosting by TinyPic

*Muito obrigada por tantos comentários carinhosos no post abaixo, nós estamos mesmo muito felizes e fico feliz em saber que tantas pessoas legais gostam e torcem por mim, muito obrigada mesmo!

Biscoitinhos ioiô com recheio cremoso de maracujá

Image and video hosting by TinyPic

Essas bolachinhas já fiz várias vezes pois meu amor pelo tal maracujá vem da minha infância. E ontem eu fui até a Doural conhecer os proprietários da loja e como cozinheira não queria chegar até lá de mãos vazias, e então fiz as bolachas na parte da manhã, depois do almoço fui até lá e encontrei com o Fernando uma pessoa muito doce, muito atenciosa e se já era apaixonada pela loja deles agora sou fã de carterinha, a esposa dele não estava no momento mas eu já sabia disso pois ela já tinha falado comigo por email, quero agradecer o carinho de vocês comigo, muito obrigada de verdade. E como eu não vou lá e saio de mãos vazias depois vem as fotos da minha comprinha.

Iliane minha querida amiga posso te passar o endereço da Doural por email, mas eu ficaria mais feliz que pinto no lixo se pudesse te acompanhar até lá.

*Pessoal olha só falo da Doural aqui, essa não é a primeira vez mas é totalmente gratuito nunca ganhei nada por isso viu?! rs E vocês podem falar e perguntar o que tiverem afim sobre a loja e sobre os produtos também. Assim como a Cris fez aí nos comentários falando sobre sua insatisfação na compra feita com eles pela internet. Cris olha pelo conheci do Fernando eles vão melhorar isso aí em amiga. rs

Xícara medidora de 240 ml

Biscoitinhos

  • 175 g de manteiga sem sal, amolecida
  • 115 g de açúcar de confeiteiro, peneirado
  • 2 colheres (chá) de raspas de casca de limão siciliano
  • 265 g de farinha de trigo, peneirada
  • 35 g de amido de milho, peneirado
  • 1/3 xícara (80ml) de polpa de maracujá

Recheio

  • 125 g de manteiga sem sal, amolecida
  • 150 g de açúcar de confeiteiro, peneirado
  • 1/4 xícara (60ml) de polpa de maracujá

Pré-aqueça o forno a 160 graus; forre duas assadeiras grandes, de beiradas baixas, com papel manteiga.

Para fazer o recheio, coloque a manteiga e o açúcar na tigela da batedeira e bata por 6-8 minutos ou até obter uma mistura clara e bem cremosa. Passe a polpa de maracujá por uma peneira para retirar as sementes e acrescente à mistura da batedeira, batendo por mais 3-4 minutos ou até ficar homogênea. Reserve.

Prepare os biscoitinhos: coloque a manteiga, o açúcar e as raspas de limão na tigela da batedeira e bata até obter uma mistura clara e cremosa, 6-8 minutos. Junte a farinha, o amido de milho e a polpa de maracujá e bata em velocidade baixa para incorporar. Faça bolinhas com 1 colher (chá) cheia de massa e coloque nas assadeiras preparadas – se a massa estiver muito grudenta, leve à geladeira por 15-20 minutos. Achate as bolinhas levemente com um garfo úmido e asse por 12-15 minutos ou até ficarem com uma cor dourada clara. Deixe esfriar nas assadeiras. Junte dois biscoitinhos recheando-os com o creme de maracujá antes de servir.

*O recheio dá para duas receitas de massa de biscoitinhos, mas também pode ser guardado em geladeira e consumido com torradinhas, ou panquecas e até mesmo waflles.

*Fonte – Deixou aqui meu agradecimento e meu carinho sempre a Patricia que pilota essa linda cozinha que vocês podem ver AQUI! De lá já retirei inúmeras receitas e essa foi apenas mais uma receita de sucesso que pesquei por lá.