Jiló recheado

Image and video hosting by TinyPic

Eu sou do time dos amantes do jiló, e aqui na minha casa ele tem mil e uma forma de aparecer na minha mesa e é sempre sucesso. Se você ainda não experimentou ou se já provou e não curtiu muito eu te dou a sugestão de tentar novamente e dar uma chance e talvez quem sabe passar a ver esse vilão (que pra mim é tão delícioso) com outros olhos.

Para preparar essa delícia a história foi assim – Fiz um corte em cada jiló na horizontal, apenas para retirar uma tampinha e com uma colherinha de café eu tirei toda a polpa e reservei. As barquinhas de jiló foram devidamente aferventadas para retirar um pouco o amargo e depois reservei – numa panela coloquei 1 colher de azeite e refoguei 1/2 cebola picadinha com 2 dentes de alho picados e assim que esses ingredientes deixou o meu azeite todo perfumado eu juntei 300 g de carne moída, 60 g de bacon defumado em cubinhos e deixei tudo refogar bem, adicionei a polpa reservada do jiló já devidamente picadinha e esperei que tudo ficasse bem cozidinho, temperei com sal e pimenta dedo de moça picada – com esse refogado eu enchi todas as barquinhas de jiló e as repousei num molhinho de tomate (aquele que todo mundo tem uma receita especial e seu jeitinho próprio de fazer), e acionei o fogo brando e fui pingando água quente até que o jiló ficasse bem cozido e o molhinho bem apurado e nesse momento só precisei ter um arroz branquinho e uma boa salada e tudo estava pronto para meu almoço.

Série – Dicas e truques para comida do dia-a-dia

Anúncios

36 comentários sobre “Jiló recheado

  1. Eli querida, vou tentar fazer jiló em casa dessa forma que você fez… achei o prato maravilhoso, como tudo o que você faz!
    Também amo jiló, mas os enjoados de plantão fogem só de ouvir o nome… nao sabem o q estão perdendo, nao é mesmo?
    Bjão pra ti e para os querubins

    Mari

  2. Olá, Lica.
    Jiló não agrada a minha família. Particularmente não sou fã dos amargos, mas tenho uma prima que adora.
    Procurando por cestinha de parmesão, achei um passo a passo aqui, muito bom, vou experimentar.
    Bjs.

  3. Olá Eliana!

    Sempre que passo por aqui, tenho a sensação de estar em casa, comendo comidinha de mãe…Parabéns pelo Enzo, pelas mãos de fada e pela coragem de cozinhar diariamente…Digo coragem, pois mesmo para nós, amantes da cozinha, não é fácil, estar disposta a preparar tudo com tanto capricho sempre!

  4. Anonymous disse:

    Eliana, estou aqui a me coçar querendo saber como vou achar jiló aqui na Bélgica. Uma amiga que vive na Inglaterra já encontrou. Eu aaaaaaaaaaaaaaaamo jiló , imagina como estão as minhas “lombriguinhas” a essa hora:-)
    Beijocas.
    Maria Amélia

  5. Oi Eliana,
    Passando pelo seu blog vi esse jiló que é a paixão do meu filho, não a minha, então resolvi fazê-lo, o prato ficou ótimo mas eu só consegui comer um, eu sinto bem o amargo não gosto mesmo, mas meu filho com certeza vai adorar!!!!
    bjs
    Maura

  6. Anonymous disse:

    Amei, Lica! Tá aí uma variação para o jiló que eu sequer imaginava! A gente recheia, pimentão, berinjela… Vou fazer poque meu marido ama jiló! Obrigada pelas dicas maravilhosas!
    Bjs.
    Cláudia Matos

  7. Lica, passei para dar os parabens, desejar um optimo dia com muitas felicidades, um grande bolo para compartilhar com as pessoas que voce mais ama.
    Porem fiquei babando no seu post, adoro jiló, mas aqui em Lisboa NUNCA encontro 😦
    Um beijão bem grande.
    Márcia

  8. Anonymous disse:

    Desculpa eu estar em anonimo mas e para me preservar. Achei um absurdo!!! Pois ela colocou a nome da empresa dela na sua foto. A dona chama-se Vanessa que tambem e evangelica mas com essa atitude e complicado.

  9. Olá Lica!!!
    Vim conhecer seu blog por indicação de uma amiga que é sua leitora das mais assíduas e acho q entrarei pro time!!!
    Meu pai ama jiló… e tenho a maior má vontade em fazer pq não sou mt chegada..rsrs mas vouu tentar esse com ceteza!!
    beijão !

  10. Lih!!
    Estamos sem notícias suas…
    Como estão as coisas por aí?!
    Sentindo saudade do seu carinho e de sua comidinha fia…:/
    Vóorta mode nóis prosiá…
    E como estão seus bebês, hein?!
    Que Deus te abençoe sempre!!
    Um bejim,
    da Vinni
    16.3.10

  11. Cláudia Lima disse:

    Estou voltando ao mundo blogueiro depois de um tempo afastada. Espero poder contar com tua presença no meu espaço, tá?
    Beijoka e Feliz Páscoa!

  12. Doce Mistura disse:

    Querida por onde anda você???
    Sinto falta das suas receitas.
    Espero que esteja tudo bem um beijo enorme estou de volta com meu blog.
    Fique com Deus =)

  13. ALine disse:

    Oieee leio seu blog desde a época do antigo…e vi que vc naum postou mais 😦 imagino a correria!!!
    Mas gostaria de dizer que seu blog é maravilhoso e a forma como vc fala das receitas é tão carinhoooosoooooo que mesmo sem fome abre o apetite rsrs…espero que volte a postar o qto antes.

    Bjooo

  14. cleide disse:

    Lica, fiquei muito satisfeita com a sua receita , estava procurando uma receita boa, para colocar no meu Bar, e adorei a sua. vou fazer e tenho certeza que os amantes de jiló como eu vão adorar. bjão!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s