Fogaça frita

Image and video hosting by TinyPic

Esses dias abri uma revista minha e vi a foto dessa receita e resolvi testar – na verdade eu não gosto de fritar as coisas por um simples motivo, fritura e apartamento (apertamento) não combinam, mas se o eleitorado pede eu acabo hora ou outra fazendo o gosto deles. A massa cresce bastante, então acho que pode abrir mas fina e o recheio achei bom mesmo sendo o básico do básico no quesito recheios eu achei que foi um bom casamento.

  • 2 tabletes de fermento biológico
  • 1 colher (sopa) de açúcar
  • 1/2 xícara (chá) de leite morno
  • 1 batata pequena cozida e amassada
  • 1 colher (café) de sal
  • 1 ovo
  • 2 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo

Recheio

  • 300 g de mussarela ralada
  • 2 tomates sem pele e sem sementes picados
  • 1 colher (chá) de orégano
  • Sal a gosto

Dissolva o fermento com o açúcar e o leite morno. Acrescente o restante dos ingredientes e trabalhe a massa em superfície enfarinhada. Cubra e deixe descansar por 45mts.

Recheio – Misture todos ingrediente e reserve.

Abra a massa e corte-a em círculos de cerca de 10cm de diâmetro. Coloque uma porção de recheio sobre cada círculo e feche unindo bem as bordas, na forma de pastel. Aqueça o óleo e frete em fogo médio.

Fonte – Revista Receita Minuto.

Anúncios

12 comentários sobre “Fogaça frita

  1. Lih,
    Fiquei muito, muito feliz. Vc é mt querida e especial, viu?!
    Sobre a receita, eu ia comentar sobre a fritura..rs..mas vc se adiantou…=D
    Pensei, tá gostando de uma friturinha agora?..rs
    Um bejim procê e prá seus pequenos amores…

  2. Nossa Lica, quando eu passava ferias na casa das minhas primas tinha uma dela q era super em fazer fogaca assim. Era muito bom, maior delicia!! Sua foto esta tentadora!
    Ana

  3. Amehlia digital – minha querida amiga, então a fritura é um problema o eleitorado gosta mas meu apartamento é realmente pequeno e a coisa pra piorar é americana (aberta) então é terrível. 🙂

    Andréia Braga – Não é dificil não, e depois me conta em?! 🙂

    Ameixa Seca – é verdade mesmo, e a danada da friturinha é uma delícia né?! 🙂

    Taís – as vezes a vontade bate né?! rs

    Ana – minha amiga eu sempre penso nas coisas que comia em Goiás e que só tem lá e fico pensando que você a Valentina devem ficar fora do país e volta e meia se lembrar das coisas que comiam aqui e que as vezes não encontram aí né?! Cultura minha amiga é a danada da cultura. hehehe

    Nathalia Sales – muito obrigada pela visita. 🙂

    Lala – que coisa mais fofa agora vou procurar uma pra mim. 🙂

    Cris – obrigada querida!

    Delícias da Andréia – Com uma itubaína né?! hehehe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s