Folhadinhos de banana com chocolate

Image and video hosting by TinyPic

Essa receita eu tirei de um blog que a muito tempo não é atualizado mas eu sempre achei a receita tão bacana que depois de muito olhar pra ela na minha listinha resolvi fazer e fiquei realmente encantada, utilizei chocolate 70% cacau, bananas bem madurinhas e o doce deu um contraste bem legal. Utilizei quadradinhos de massa folheada, rodelinhas de banana bem madurinha e docinha, e pedaçinhos de chocolate, uma gema para pincelar a massa. Leve ao forno médio até dourar.

*Dicas: Para cortar a massa folhada utilize um cortador de pizza, ou uma faca de corte em sentido de guilhotina, nunca corte a massa folhada com faca no sentido de cortar a carne pois assim você irá unir as camadas da massa e a mesma não vai folhar como deveria. Para assadeira dê uma molhada nela com água em temperatura normal e coloque sobre a mesma, ainda úmida os seus folhadinhos para levar ao forno. O forno deve ser sempre pré aquecido.

*Fonte: Foi esse blog aqui.

Ramequins!

Image and video hosting by TinyPic

Os primeiros ramequins com pedigree a gente nunca esquece! Quando digo “pedigree” estou me referindo a marca Le Creuset, as tão sonhadas panelas e travesas eu creio que 10 entre 10 cozinheiras sonham com uma (risos).

Sorvete de baunilha

Image and video hosting by TinyPic

Não sei como vocês são, mas eu quando tenho um brinquedo novo na cozinha já quero testar logo, então passei 24hs de ansiedade só na espera de poder utilizar meu brinquedo (pois o cilindro tem que permanecer no freezer por esse período), mas ontem eu pude usar minha sorveteira e tinha várias receitas para testar mas a primeira escolhida foi dá Fabrícia, vocês querem saber se ficou bom?! Imaginem que estava por aqui, o Rapha o maridinho e o filho postiço Renato e hoje o sorvete simplismente não existe mais. E vou deixar aqui o registro do aval de Rapha e Renato: Hummmmmmm, esse sorvete dá de um milhão naqueles que compramos prontos. Gente se atentem para um fato , criança fala o que pensa sempre, então tire suas conclusões (risos). Na receita da Fabrícia coloquei o cream cheese no lugar do mascarpone e ficou um luxo só!

Luna querida eu amei, é perfeito esse produto!

A receita você pode ver aqui!

Image and video hosting by TinyPic

Cookies de farinha de soja

Image and video hosting by TinyPic

Eu tenho vizinhas bem fofas, a dona Maria é uma delas, uma senhorinha japonesa muito doce e atenciosa, e cozinha como poucas pessoas, tem mãos de fadas eu sei porque volta e meia ela me aparece com um lindo pratinho assim cheio de gostosuras! E esses cookies ela ja me mandou duas vezes e eu vou pedindo as receitas que ela prontamente me passa e vou passando para vocês, eu achei uma delícia esses biscoitos e recomendo! Tenho que dizer que não são exageradamente doces e acompanha muito bem um café ou um chá e pra mim que não curto coisas muito doces pela manhã eles são perfeitos no café!

  • 1 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 1/2 xícara (chá) de açúcar
  • 1 xícara (chá) de amido de milho
  • 1 xícara (chá) de farinha de soja
  • 200g de manteiga
  • 2 gemas
  • 1 colher (chá) de fermento em pó
  • 100g de chocolate meio amargo picado

Em um recipiente coloque o açúcar, o amido de milho e a farinha de soja (peneirados). Mexa, adicione a farinha de trigo peneirada (reserve um pouco de farinha), o fermento e a manteiga. Mexa com as (nesse momento junte a farinha reservada). Incorpore os pedaços de chocolate (ou você pode colocar só por cima dos cookies depois delas já colocados na assadeira), abra a massa com auxílio de rolo, modele os cookies com um cortador redondo, coloque em uma assadeira untada e polvilhada com farinha. Leve ao forno pré aquecido a 180 graus por aproximadamente 15 a 20 minutos.

* Você pode trocar os pedaçinhos de chocolate por ameixas, nozes ou uva passa. Os cookies duram 20 dias guardados em um recipiente de vidro.

Brinquedo novo!!

Image and video hosting by TinyPic

Acho que ano passado eu estava doida por uma sorveteira até pedi ajuda a Cinara e também a Georgia e agora quero dizer muito obrigada pelas dicas! Bom mas depois acabei não comprando e a poeira do desejo passou e eu continuei a minha vida, e aí me deparei com uma moça que pra mim é um luxo em todos os sentidos, é linda, educada ela é tudo de bom vão por mim (risos) a querida Fabrícia e ela tem me inspirado muito e depois que começou fazer seu gelados eu caí de amores por eles e resolvi então que queria esse brinquedo, vou testar hoje e depois mostro aqui a prova do crime. Essas coisas me fazem pensar o quanto é bom ter um blog e uma rede amigos tão queridos, muito obrigada a todos vocês que me visitam e me mandam emails, deixam seus recados.

Rabada à parmegiana

Image and video hosting by TinyPic

Antes quero deixar claro que pra mim as carnes mais saborosas são as quem vem com os ossos (chamadas de carnes de segunda) elas só precisam de paciência para serem feitas, pois quando cozinham lentamente ficam super saborosas pegam bem o tempero e o ponto ideal é quando essa carne começa a se soltar facilmente dos ossos aí está perfeito! E ano passado eu gravei a receita dessa rabada e fiquei pensando que um dia faria, esses dias que se passaram fez um friozinho consideravel por essas bandas e eu não pensei duas vezes e fiz a receita. Amamos, ficou diferente e realmente muito saboroso, é bom mudar as vezes né?! Como se compra o rabo por inteiro e era muito para nós, aqui eu servi de duas maneira, primeiro como manda a receita à parmegiana e depois só empanadinho com um pratinho de capellini com molho ao sugo e não sei dizer qual é a forma mas gostosa.

  • 1 rabo de boi inteiro (cerca de 1,2 kg, escaldado e cortado em pedaços)
  • 4 colheres (sopa) de azeite
  • 1/2 colher (sobremesa) de açúcar
  • 2 cebolas picadinhas
  • 4 dentes de alho socados com meia pimenta vermelha
  • 1 colher (sobremesa) de sal
  • 2 folhas de louro
  • 4 tomates picado sem pele e sem sementes
  • 1 pimentão verde picado
  • 1 xícara (chá) de vinho branco seco (ou tinto)
  • 2 litros de caldo de carne

  • 2 xícaras (chá) de farinha de pão
  • 4 ovos ligeiramente batidos
  • farinha de trigo
  • 3 xícaras (chá) de molho de tomate
  • 300 g de mussarela ralada
  • Queijo parmesão a gosto

Preparo

Numa panela grande coloque bastante água umas gotas de vinagre e escalde a carne, retirando um tanto da gordura.

Numa panela de pressão aqueça o azeite, coloque os pedaços do rabo, salpique o açúcar e deixe dourar bem. Junte a cebola o alho amassado com a pimenta, o sal, as folhas de louro, o tomate, pimentão e o vinho. Junte o caldo de carne , tampe a panela e cozinhe por +/- 30 a 40 minutinhos. Retire a carne da panela, escorra o molho e deixe esfriar. Passe os pedaços pela farinha de trigo, ovo e por ultimo na farinha de pão. Frite em óleo quente, deixe escorrer no papel toalha. Numa travessa coloque um pouco de molho no fundo, disponha os pedaços de carnes, cubra com mussarela, coloque o restante do molho e salpique parmesão ralado, leve ao forno a 180 graus por 10 a 15 minutos. Sirva quentinho com arroz branco e uma salada de folhas.


*Fonte: Programa Mais Você

Image and video hosting by TinyPic

Bolo da vovó

Image and video hosting by TinyPic

Esse foi um bolinho que encontrei ao chegar na casa de minha sogra, esse pra mim é o bolo tipico da vovó, aquele bolo feito na assadeira de anel e que fica bem alto e bem fofinho. Só deixo um alerta não percam essa receita, pois esse bolo é divino! Obrigada pela recepção aí em sua casinha, adoramos, nos divertimos, e é sempre bom estar com vocês!

  • 3 ovos
  • 1 copo de iogurte natural
  • 2 copos de açúcar
  • 1/2 copo de óleo
  • 3 copos de farinha de trigo
  • Raspas de um limão
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó

Bata no liquidificador, ovos, iogurte, óleo e açúcar até obter um creme liso, transfira a mistura para outro recipiente e adcione a farinha de trigo e as raspas de limão aos poucos e vai mexendo com ajuda de fouet, acrescente o fermento em pó e misture delicadamente. Coloque em uma assadeira de anel grande (pois rende bastante massa), leve ao forno médio até dourar e estar assado, faça o teste do palito. Deixe esfriar antes de desenformar.

*copo utilizado de 200 ml

*Ela não fez a cobertura eu achei perfeito dessa maneira para acompanhar um café ou um chá, mas ela com toda a delicadeza me enviou a receita da cobertura que deixo aqui para vocês.

Cobertura

  • 250 g de açúcar confeiteiro
  • 1 colher (café) de manteiga sem sal
  • 1 colher (chá) raspas de limão
  • 1/4 xícara (chá) de suco de limão

Basta misturar tudo até ficar homogênio e colocar sobro o bolinho frio.