Dalva e Dito e Eu…

sanduiche

Um belo dia eu resolvo comer um sanduba sem pretensão de nada, lá no Dalva e Dito do querido Alex Atala – e sai completamente apaixonada e pra mim estava eleito ali o melhor sanduba de pernil de Sampa. Mas a história não poderia parar por ai, fiquei matutando na minha cabeça durante toda a minha viagem de férias como poderia ter sido feito aquele lanche tão rico em sabor e a textura da carne incrível e daí resolvi fazer minha versão, versão essa que me encheu de alegria – pois ficou sensacional.

Então vamos já pra cozinha fazer o tal sanduba – Um pedaço de pernil, faça furos na peça de carne e tempere com sal, pimenta em grãos e alho sofridos no pilão, cubra com vinho e deixe marinar por 2horas – após esse tempo, pegue a peça de carne transfira para uma assadeira besunte um toquinho de azeite na mesma e cubra com o vinho que a marinou, tampe com papel alumínio e leve ao forno baixo – isso vai levar algumas boas horas lá no forno bem baixinho, quando aquele vinho secar a carne já deve estar desmanchando, então retire da assadeira e faça um fundo com cebolas em rodelas, tomates em cubos grandes, pimentão em rodelas e coloque a carne que você deve terminar de desfazer com o garfo, tampe novamente com papel alumínio e leve ao forno e deixe que esses ingredientes cozinhem e forme um molhinho grossinho e pegue o sabor da carne, então retire do forno e monte seu lanche com o pãozinho escolhido e um toquinho de uma boa mostarda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s