Bolo de Maçã com Noz Pecan ou Aproveitando a Fruta por Inteiro

bolo de maçã

Hoje foi um dia nublado, por horas embalado por uma garoa fina e muito frio – assim, um dia perfeito para um bom soninho depois do almoço e ao acordar aquecer e perfumar a casa com esse simples e arrebatador bolo de maçã com castanhas – não gosto muito de domingos sei lá, acho que faço parte da população que tem a síndrome do fantástico, aquele sentimento de saudades, aperto no coração quando o final de semana vai se acabando e eu logo sinto que as crias vão seguir suas vidas já um pouco sem mim durante toda a semana, marido passa o dia fora e é como diria Chico Pinheiro “é vida que segue” – eu adoraria tê-los sempre em baixo de minhas assas, mas sei que isso não é e nunca vai ser possível, então sigo batendo meus bolinhos para que pelo menos no futuro quando eles já não estiverem mais por aqui, tenham sempre vontade de voltar e vir dividir comigo e com o pai uma fatia de bolo e uma xícara de café.

  • 3 maçãs (tamanho médio)
  • Suco de um limão
  • 1 xícara (chá) de óleo de milho
  • 4 ovos
  • 1 1/2 xícara (chá) de açúcar
  • 1 1/2 xícara (chá) de uvas passas brancas
  • 1/2 xícara (chá) de nozes picadinhas
  • 2 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • Açúcar e canela para polvilhar o bolo depois de pronto

Modo de preparo
1- Lave as maçãs, descasque-as (reserve as cascas) e corte-as em cubos pequenos. Coloque de molho em uma vasilha coberta com água e suco de limão.
2- No liquidificador, bata o óleo, os ovos, o açúcar e as cascas das maçãs. Reserve.
3- Em um recipiente, peneire a farinha de trigo e o fermento em pó.
4- Acrescente as passas, as nozes e as maçãs escorridas e picadas. Misture bem e adicione o preparo do liquificador. Mexa para misturar.
5- Despeje a massa em uma assadeira redonda (25cm de diâmetro) untada e polvilhada. Leve ao forno pré-aquecido por cerca de 40minutos. Retire do forno, polvilhe o açúcar e a canela em pó.

Anúncios

Risoto de Vinho Barolo e Paio

risoto

Frio e risoto para comer na cumbuca e se sentir abraçado, porque carinho é tudo nessa vida né gente?! Quando o tempo refresca e começa o friozinho eu já gosto de fazer comidinhas mas quentes e mas calóricas também, são comidas que confortam e faz qualquer dia terminar feliz. Aqui no blog tenho inúmeras receitas de risoto e basta colocar na busca e vai encontrar muitos sabores diferentes e com certeza algum que te agrade, amiga não deixe de fazer um jantar gostoso e mimar sua família por conta frio, pois nesses dias uma comida quentinha é igual a um abraço.

100 g de paio sem pele e cortado em meia lua / 30 ml de azeite / 80 g de cebola branca bem picadinha /160g de azeitonas verdes picadas/ 50g de manteiga/ 350 g de arroz carnaroli/50ml de vinho branco seco/ 500ml de caldo de legumes/ 350 ml de vinho tinto Barolo/ 50g de parmesão ralado de boa qualidade.

Em uma frigideira, refogue o paio com metade do azeite e metade da cebola. Reserve a cebola e a linguiça. Nessa mesma frigideira, aqueça o restante do azeite e junte a cebola que sobrou. Assim que dourar, coloque o arroz. Misture bem e adicione o vinho branco. Quando evaporar, junte o caldo de legumes aos poucos e vá mexendo seguidamente. Coloque mais caldo à medida que o arroz for secando. Passados 10-12 minutos, incorpore a linguiça refogada com cebolas da primeira leva, as azeitonas e o vinho tinto Barolo. Ajuste o sal e a pimenta. Após 2 ou 3 minutos, retire do fogo, acrescente a manteiga e o parmesão e misture bem. Sirva quente.

Creme de Cabotia

sopa

Para um menino que adora sopas e pra você já ir se preparando para temperaturas mas frescas (será)?! Bom o fato é que por aqui os pequenos e grandinhos adoram sopinhas e creminhos e vez ou outra eu coloco o caldeirão no fogo para tirar lá lindas e fumegantes tigelinhas de sopa e porque não dizer cheia de carinho?! Esse creminho eu fiz com meia cabotia orgânica que tinha na geladeira e o esquema foi o seguinte – aqueci a panela de pressão (mas pode fazer na panela comum – foi só para ganhar tempo mesmo), regue com um fio de azeite e deixe suar uma cebola picadinha com um pouco de sal e alho sofrido no pilão, some os pedaços de meia abóbora cabotia e duas batatas, coloque água quente, feche a panela e deixe cozinhar até ficar bem macia – retire do caldo (reserve este caldo) e coloque no liquidificador (ou utilize o mix como eu) e depois reserve. Em outra panela deixe dar uma leve fritada em um gomo de linguiça calabresa cortada em cubinhos (pode ser frango desfiado, carne de sal, carne de panela ou até mesmo linguiça fresca), some o creme que bateu e comece a afiná-lo utilizando aquele caldo que reservou, até encontrar o ponto desejado. Sirva quentinho acompanhado de cebolinha picada e torradinhas.

Salada de batatas com iogurte honesto

salada de batatas

Quem me segue nas outras redes sociais, viu que falei sobre esse iogurte grego, iogurte puro e honesto – sem espessantes e todos os *antis que você possa imaginar ( e se você ainda não me segue, te convido a começar pois lá aparece todos os dias e o dia todo muita coisa legal), enfim fiz uma bela salada de batatas que não é uma receita né *bonita(o) é apenas uma dica e acompanha super bem seu assado de domingo ou seu grelhadinho do dia a dia. Para fazer (tudo a olho e sem receita), cozinhei no vapor as batatas e é importante não deixar que fiquem muito molengas, cortei em cubos e com elas ainda quente exprime suco de um limão e temperei com sal e pimenta moídos na hora e reservei. A parte peguei o iogurte, coloquei uma colher (sopa) de azeite uma boa pitada de pimenta moída na hora e com a salada fria agreguei o molho e misturei até que este fica-se todo envolto as batatas, acrescentei azeitonas picadinhas, fiz a correção de sal e *voulá salada prontinha para servir.

iogurte