O calor, a Cerva Gelada e o Petisco

comidinha

Final de semana chegando, calorão e a turma já sonha com cervejinha gelada, e o que fazer para embalar essa bebida que é paixão nacional? Eu te mostro aqui, que tal esses fagottinis fritinhos, super crocantes e super fácil de fazer – basta abrir a embalagem,  e fritar em imersão em óleo quente, até dourar – para acompanhar uma salsa um molhinho bem gostoso e de preferência picante.

Obs – Pode ser capeletti ou Ravioli e com o recheio da sua preferência.

Espetinhos crocantes de batata e linguiça

petisco

Essa receita ou melhor dica, vem lá do Biroskinha – A Raquel é uma pessoa que quando a gente se encontra tem vontade de colocar no colo, tamanha fofura e educação – tudo que sai da cozinha dela vem carregado de amor, carinho e sabor, muito sabor pois essa menina tem o axé na cozinha e eu só agradeço por ela abrir sua cozinha e dividir com a gente todo o seu conhecimento. Bom você precisa de um petisco simples de fazer, e que vai ser sucesso total?! Então se agarra nessa e não vai querer soltar mais – pensa numa linguicinha apimentada, uma batata crocante e se fizer um molhinho não vai ter pra ninguém.

– Batata descascada e laminada no mandolim na horizontal

– Pedaços de 4 a 5 cm de linguiça fina (usei pedaços de calabresa defumada cortada em 4, no sentido vertical)

– Palitos para a montagem

– Óleo de girassol para fritar

Modo de preparo:

Pegue uma fatia de batata e coloque no centro uma linguiça, enrole e prenda com palito.

Feito todos os espetinhos, frite em óleo quente até a batata ficar crocante.

Escorra em papel toalha e sirva quentinho.

 

Fonte – Blog Na Biroskinha

 

 

Amendoim torrado no microondas

amendoim no micoondas

Essa receita que também é uma super dica vem lá na maravilhosa cozinha da Nana, também conhecida como Manga com Pimenta. Então minha *gentemm não deixe passar.

Jogue todo o amendoim (500 gramas / um saquinho) numa boa vasilha que suporte o calor (seu amendoim vai a loucura e a sua vasilha também se for de plástico, já cheguei a queimar uma vasilha porcaria dentro do microondas fazendo amendoim).  Leve o Amendoim para o Micro ondas durante cinco minutos, retire do forno, mexa, adicione a salmoura (duas colheres rasa de sobremesa de sal e quatros colheres de sobremesa de água) para quem for servir como petisco. Para uso de alguma receita eu não acho bacana salgar.

Volte a vasilha para o microondas, durante dois minutos e meio, novamente mexa, aguarde um pouquinho, veja se está assado, senão repita essa operação no seu micro ondas até o amendoim estiver assado (sempre com dois minutos ou três minutos e meio de tempo) . No meu microondas, o tempo de preparo foi 14 minutos, mas como cada microondas tem uma personalidade própria, o tempo pode ser maior ou menor, o ideal é sempre acompanhar como está indo o processo de preparo do amendoim no micro ondas.

Do grão ao bagaço

bolinho de milho

Devemos aproveitar o alimento por inteiro, essa foi uma das lições da Semana Mesa 2014 – lição essa que a vovó já nos ensinava e foi por isso que ao fazer um angú de milho verde para acompanhar um franguinho ensopado de domingo, eu resolvi aproveitar o bagaço do milho para fazer um bolinho bem famoso em Goiás o “bolinho de milho frito”, bem temperadinho fica perfeito para acompanhar a cerva *cú de foca em bate papo legal com bons amigos em plena segunda-feira. Agora me diga a vida é ou não é, uma beleza?!

Para fazer o bolinho – você pega o bagaço do milho que utilizou para fazer cural, angú ou até mesmo um bolo ou mingau e junte duas boas colheres de sopa de farinha de trigo, uma de amido de milho, bastante cheiro verde picadinho, uma cebola picadinha, alho e sal sofrido no pilão, pimenta de cheio, um ovo e por último uma colher de chá de fermento em pó, misture bem e ele tem que ficar com consistência de uma massa de moldar com colher, tipo uma quenelle, coloque suavemente no óleo de cozinha quente e deixe dourar.

*A temperatura do óleo não pode ficar extremamente quente, pois corre o risco do bolinho ficar cru por dentro. Se tiver mole demais coloque mais farinha um toquinho a mais de amido.

Arancini ou Bolinho de Risoto

arancini

Sou do contra por isso posto primeiro o que fiz com a sobra de um delicioso risoto e depois posto o mesmo de fato. Bom no meu mundo arancini é o bolinho de arroz do Italiano e ponto, veja bem minha gente eu disse *no meu mundo – antes que chova um monte de email me falando que sou doida que não concorda e tals. Sei que sendo arancini, bolinho de risoto ou bolinho de arroz o fato é que ele é mesmo maravilhoso e super fácil de fazer e combina perfeitamente com sua cerva gelada do final de semana.

Para o preparo – pegue sua sobra e risoto e com as mãos mesmo misture bem até dar uma liga – forme as bolinhas e recheie com queijo (pode ser mussarela, mussarela de bolinho, queijo do reino e vai….), passe as bolinhas pela farinha de trigo, no leite e por fim na farinha de rosca. Frite em imersão em óleo de cozinha quente.

Rolinhos de abacate

rolinho de abacate

Essa é pra acompanhar aquela *breja, pois o calor tá de matar *benheee – e agora é hora de começar a pintar por aqui muitos *belisquetes para enfrentar o verão que eu amo diga-se de passagem. Este bem simples de fazer, não requer prática nem habilidade; pegue os abacates (usei avocato) corte em tiras não muito finas, e tempere com sal e pimenta do reino moídos na hora e um toquinho de suco de limão, pegue fatias de bacon e enrole nas fatias de abacate, e leve ao forno preaquecido a 200 graus, e deixe lá até que o bacon esteja douradinho, retire e sirva eu acompanhei com tacos mexicano da Doritos e saladinha de coentro com tomate sem sementes, cebola roxa e bem temperada com azeite, sal, pimenta e suco de limão. Coloquei também limão para quem quiser espremer um pouquinho mais por cima do rolinho.

Vol au Vent de beringela

beringela

Mas um *trucão pra você fazer bonito com *azamigas,  para acompanhar a birita geladinha de sexta a noite ou então para um pequeno almoço de segunda sem carne – bom o uso amiga você decidi mas devo dizer que esse pequeno porta joias de berinjelas é DEMAIS!

Na cestinha – 1 pacotinho de mini vol au vent (eu comprei da marca Arosa) e faça como manda a embalagem que não tem erro. Descasque as berinjelas (se for japonesa, não precisa de ficar de molho) e corte em cubinhos, pique uma cebola e sofra dois dentes de alho com um pedaço de pimenta fresca no pilão. Pegue uma panela de fundo pesado e refogue a cebola com alho sofrido, junte a beringela e deixe refogar até que a mesma esteja macia, nesse momento acrescente uma boa quantidade de azeitonas picadinha, uma boa regada de azeite honesto e um punhado de cebolinha, retire do fogo e reserve. *Gentem é tudo no olhômetro mesmo, força na peruca que tudo dá certo no final. Com recheio morninho, basta com auxilio de uma colher pequena, você encher suas cestinhas e pronto, tá feito a festa.

*Mas tarde eu volto com mais novidade, então se liga e se você curti o Feijão vai na pagina do mesmo no facebook e curta, siga e compartilhe, e pra não perder nenhuma novidade durante o dia, me siga também no instagram e aqui no blog.