Rolinhos de frango ou do que tiver na geladeira

rolinho de frango

Para os dias de correria ou de preguiça, para salvar a pátria no dia de guerra ou seja basta abrir os armários e geladeira a procura do que colocar dentro – a no meu caso fiz com rap 10 mas pode ser feito com pão pita ou pão folha e tudo aconteceu +/- assim; peguei umas tirinhas de frango que estavam perdidas no freezer dei um plus com alguns temperinhos e refoguei num fio de azeite – em uma metade do pão passei coalhada seca e na outra homus (pasta de grão de bico) e coloquei folhas de alface, rúcula e tomatinhos picados dei uma nova temperada com pimenta moída na hora e um fio de azeite e por cima coloquei as tirinhas de frango (que poderia ser atum, carne de panela desfiada, carne moída ou até mesmo um mix de legumes refogadinhos e bem temperados), daí foi só fechar e servir.

 

Farofa úmida

farofa

Acredito que aqui nessa terrinha quase todos são fãs de farofa, aqui com meu eleitorado isso não é diferente – tenho uma tia (tia Gracinha) que faz uma farofa maravilhosa, daquele tipo que você come e não esquece jamais – igual a essa deste post. Eu conheci essa farofa na casa da irmã da minha cunhada e foi uma paixão, ficou na minha lembrança um casamento entre farofa e cuscuz, aquele cuscuz paulista sabe qual é né?! Eu coloquei na minha cabeça que tinha que reproduzir a receita para dividir com vocês pois algo tão simples e ao mesmo tempo tão delicioso não poderia ficar guardado a sete chaves ou simplesmente em uma cozinha só. 🙂

Para a farofa – Aqueci uma frigideira de fundo pesado e reguei com azeite e deixei murchar uma cebola picadinha com alho macerado com sal e pimenta, juntei 3 cenouras raladas e deixei ela dar uma lixeira murchada, adicionei meia lata de tomates pelados em cubos e verifiquei o tempero, comecei então a somar a farinha de milho aos poucos, a mesma não pode secar, lembre-se que a farofa é úmida, então quando chega nesse ponto desligue o fogo e some cheiro verde e azeitonas picados.

Lentilhas no sofrido de tomate fresco

lentilhas cópia

Lentilha e minha relação forte com a cozinha de Nigella – como sou apaixonada pela sua praticidade e pela coragem de utilizar alguns produtos sem o menor pudor – só pra conservar seus cabelos escovados ou até mesmo não perder todos os fios antes mesmo que seus convivas batam a porta. E por isso só por isso nada mais eu passei a mão em duas latas de ervilhas prontinhas (digo prontinhas no sentido de já estarem devidamente cozidas), e só precisando de um toque de carinho e foi apenas esse meu trabalho – peguei uma frigideira pesada, e reguei com um bom fio de azeite e deixei os meus tomates com pele e sem sementes cortados em cubos sofrerem na misturinha de azeite com cebolas picadinhas e um pouquinho de pimentão picado bem miúdo quando a cebola estava transparente eu somei um pouquinho de alho com sal, juntei as lentilhas que retirei da lata e passei por água corrente em uma peneira e aí é só um tombinho na frigideira para mesma pegar o sabor e aquecer, desligue o fogo (cuidado para que suas lentilhas não desmanche). Eu servi com uma maravilhosa linguiça artesanal de bragança feita com castanhas e assada no forno.

Dando um toque de *gramurr na sua saladinha do dia a dia

grego

Começo de ano e todos querendo começar de maneira mais leve depois da esbórnia das festas – mas ninguem merece aquela salada sem alegria né minha *gentemm, então passa mão num grego Nestlé sem adição de açúcar, um bom punhadinho de sal e pimenta moídos na hora e um toque generoso de azeite honesto, misture bem e acrescente ervinhas frescas de sua preferência. Só um trucão pra fazer da sua salada um momento de luxo no seu almoço. 🙂

Obs- Gosta do conteúdo do Feijão no Prato? Então curta e compartilhe na pagina do face e me siga nas outras redes sociais que lá vai encontrar coisinhas diferentes daqui, vamos lá pessoal mas um ano cheio de tempero, sabor e comilança.

Enrolado de frango para coroar as férias das crianças

rocamboleDepois de uns dias de descanso e de paparicar meu sobrinho(a) que ainda esta guardado dentro do ninho – a cozinha volta a ativa e começamos por um enrolado de frango, com preparo simples e rápido ele vem coroar as férias da minha pequena prole de querubins. As vezes me lembro das minha férias de infância e eram dias incríveis, e tento proporcionar aos meus pequenos algo parecido. Aqui não podemos sair muito do controle pois com crianças pequenas mesmo em ritmo de férias ainda é necessário manter o mínimo de rotina e por isso tento unir as duas micões. Sei bem que o calor esta intenso e quase que insuportável e que não deveríamos ligar o forno e tal, mas adoro cozinhar no forno, acho prático, simples e se for falar de limpeza e organização acho que o melhor negocio é realmente usar o forno – por isso mesmo com o calor intenso eu teimosa que sou ligo o forno e pronto (rs).

Para executar a receita; 1/2 quilo de frango moído, 1 cenoura ralada, 1 abobrinha caipira ralada, sal, pimenta e alho sofrido no pilão e 250 g de bacon fatiado. Coloquei o frango com os legumes ralados numa tigela e temperei com o sal, pimenta e alho, acrescentei 1 colher de sopa de aveia em flocos finos e amassei bem até que fica-se uma massa homogênea, reserve. Estenda uma folha de papel alumínio e coloque sobre ela lado a lado as fatias de bacon, por cima comece a colocar a massa de frango deve ficar no formato de retângulo e logo depois com a ajuda da folha de alumínio enrole como um rocambole, feche bem as pontas e leve ao forno médio por 30 mts , retire o papel e deixe dourar.

 

Um tempo frenético e um belo sanduiche

cru

Os dias tem sido de verdade frenéticos por aqui e acredito que pra muita gente isso também esteja acontecendo – uma correria que por vezes nos impede de fazer um jantar mais elaborado, mas não menos saboroso e esse sanduba veio apenas provar a minha tese que é possível comer bem mesmo na correria.  Um pão ciabata fresquinho cortado ao meio e com uma camada caprichada de coalhada seca, saldada de alface e agrião com rodelas de tomate e para coroar lindas fatias de presunto cru com delicioso patê de tomate seco e pronto – só pegar a breja gelada e partir para o abraço.

*Eu volto ainda hoje com outras *cositas. 🙂

Forno a grande maravilha da cozinha

legumes

Depois de Jamie Oliver a minha visão do forno na cozinha mudou bastante – antes era apenas para assar, carnes, bolos, suflês e afins e hoje faz refeições praticamente completas e os legumes assados é um sinal claro dessa mudança – a muito tempo não faço legumes refogados ou no vapor por achar bem mais prático e saboroso fazer os mesmo no calor e conforto do meu forno, enquanto os bichinhos repousam no azeite, ervas e temperos dentro do danado do forno eu posso fazer muitas outras coisas, o que só quem tem crianças em casa pode entender o quanto esse tempo faz diferença.

Para executar a receita – pegue os legumes de sua preferencia ou mesmo aqueles que estão de bobeira na gaveta da sua geladeira, higienize e corte-os se assim desejar, coloque as ervas que gostar mais, regue com vontade o azeite honesto e tempere com sal e pimenta moídos na hora, feche com papel alumínio e leve ao forno médio para baixo. Depois de um tempo quando começar espalhar pela casa aquele cheirinho bom de comida honesta, abra sua assadeira e verifique se já estão no ponto desejado.

*Dicas – sobrou legumes assados? Não se desespere, eles podem virar; omeletes, sanduiches no final do dia, galetes  , tortas ou virar um maravilhoso molho de uma massa cozida al dente.

Prime RIB

carne de forno

Poderoso, saboroso e de maciez invejavel, esse corte vem ganhando cada vez mais espaço na mesa dos apreciadores de carne e restaurantes especializados. Se traduzirmos ao pé da letra , seria a Costela Primordial mas quem conhece e aprecia esse corte certamente pode inclui-lo como sinônimo de “Principal” ou “ Melhor” esse corte retirado da 5 costela bovina possui uma carne muito irrigada, macia e marmorizada. Sua proximidade com o osso da costela da um sabor inigualável e a marmorização conferem a esse corte com toda certeza uma das melhores garfadas de carne do boi.

 Essa eu apenas deixei minha chapa de pedra sabão ficar super, hiper quente dentro do forno – com a peça temperada apenas com sal e pimenta moídos na hora, repousei sobre a pedra e depois de 2 minutos eu virei a carne e deixei um pouco mais, retirei e deixei repousar um pouco sobre a tábua de corte, para não perder o suco da carne ao cortar. Depois fatie e servi com pãozinho francês.