Pacotinhos de aveia instantânea

aveia

Aprender é sempre maravilhoso, mas quando se aprende com uma pessoa querida e que sabe como a banda toca, é muito amor! Então hoje a dica que peguei na cozinha da vizinha está aqui, mas olha não sejam doidos de não visitar a maravilhosa cozinha dela (com toda licença Ofélia querida). Bom, tenho um filho que devora aveia no café da manhã, todos os dias e incansavelmente e esses pacotinhos pra ele, são verdadeiros porta jóias – pensa você acordar e ter seu café diário super prático, saudável e sem frescuras e mimimi – tudo melhor estilo pá pum. Ah já sei você vai me falar que queria tomar esse café no trabalho e não gostaria de levá-lo em saquinhos e ter que levar mas uma tigelinha e tal, eu já te dou a solução, coloque o conteúdo de seu saquinho nesse lindo vidro, já coloca a colherinha e quando chegar lá, basta adicionar a água e tomar seu café.

Para a receita base você vai precisar de:

  • 5 xícaras (de chá) de aveia em flocos (utilizei 4 de flocos finos para 1 de flocos multi grãos),
  • 1 xícara (de chá) de leite em pó,
  • 1 xícara (de chá) de açúcar mascavo,
  • 1 colher (de sopa) de chia.

Misture tudo muito bem!

Para o complemento dos pacotinhos:

  • Frutas secas
  • Sementes secas
  • Castanhas secas
  • Eu dividi em duas partes a quantidade total da receita base e adicionei em uma parte:

 

  • 1 xícara (de chá) de banana passa cortadas em rodelas pequenas,
  • 1/4 de xícara (de chá) de castanha do pará quebradas grosseiramente,
  • 1/4 de xícara (de chá) de nibs de cacau (que também ficaria ótimo substituído por gotinhas de chocolate),
  • 1/4 de xícara (de chá) de sementes de girassol.

Esta parte dos complementos fica aberto para criar da forma que mais gostar, uva passas, ameixa, blueberry, toda fruta desidratada vai ficar sensacional, variar as castanhas, adicionar sementes novas, tudo depende do seu gosto pessoal, eu particularmente me surpreendi com o sabor do damasco e coco, foi meu preferido!

Você pode também fazer a receita base e adicionar somente grãos e castanhas e quando for tomar seu café da manhã cortar algumas frutas frescas e adicionar no lugar das frutas secas, com morangos frescos e banana e fica maravilhoso!

Coloque em cada saquinho 1/2 xícara do preparo pronto, feche e guarde por até 3 meses.

Para preparar cada manhã coloque o preparo do saquinho em 1 xícara de leite quente, mexa bem e deixe em repouso por uns 2 minutos no mínimo (se gosta da aveia não quente espere 5 minutinhos, ela ficará morna e a aveia muito mais hidratada). Vai se arrumando para sair e enquanto isso a aveia descansa!

Se gostar dela bem geladinha, você pode deixar pronto no dia anterior na geladeira e consumir pela manhã, funciona tanto no leite como no iogurte grego!

Fonte – A Casa Encantada

 

Anúncios

Sanduba e a tal da economia doméstica

Sanduiche

Bom meu povo, semana passada abri ao lado nas categorias, uma especial “Economia Doméstica” é que a muito tempo venho pensando a respeito disso, vejo sempre as pessoas reclamarem do preço das coisas, do aumento que vem sempre aparecendo, da sensação de ir ao mercado pela manhã e voltar a tarde e o preço não ser mais o mesmo, e por essas e outras histórias eu resolvi fazer essa categoria aqui no blog. Acredito que o grande vilão de gastos estratosféricos em supermercados está na falta de planejamento e organização e isso deve ser feito bem antes de pensar em chegar até o hiper.

1 – Se alimente bem antes de ir as compras.

2- Faça um cardápio semanal

3- Se programe no sentido de encontrar uma carne ou frango ou peixe mais em conta ou qualquer legume e fruta.

4- Pesquise os produtos que estão na época .

5- O alimento que vê que virou o vilão da vez no quesito preço, fuja dela, substitua ou simplesmente pare por um tempo de consumi-lo.

Com essas pequenas atitudes já vai sentir a diferença – eu fiz carne de panela, já cozinhei um pouco a mais pois como o preço estava bom eu comprei um pouco a mais e fiz um pouco de picadinho com legumes, outro pedaço com batatas e ainda me sobrou um pedaço para desfiar e fazer sanduiches e saladas e isso é planejar é economia doméstica. Espero de verdade que gostem dessa categoria.

Para o *sanduba em questão, eu utilizei carne de panela desfiada, queijo mussarela derretido na fridideira em água quente e para enriquecer, saladinha de mini agrião e tomatinhos em cubos isso tudo regado com azeite honesto.

Mousse de Chocolate e suas Possibilidades

mousse no pote

Essa mousse é simples de fazer e tem um resultado sensacional, pode usar para várias coisinhas e fazer de uma simples mousse um docinho cheio de bossa. Pode virar um mousse de potinho, pode brilhar como recheio no seu bolo de pote, pode fazer uma linda voltinha com bico (bafônico) em cima do seu cupcake, pode ser o recheio do seu cupcake, ou pode ser servida em lindas colheres como uma sobremesa, fechando seu lindo almoço ou jantar. É ou não é um coringa?!

Na cestinha – 400g de chocolate 70% cacau, 1 caixinha de creme de leite, 1 colher (sopa) de conhaque, 2 caixinhas pequenas de chantilly.

Preparo – Derreta esse chocolate aos poucos no micro-ondas ou em banho-maria , junte o creme de leite morno e mecha até ficar um creme bem brilhoso, some então a colher de conhaque e volta a mexer bem, reserve. Bata as duas caixinhas de chantilly que devem estar bem geladas em ponto bem firme e nesse ponto some a mistura de chocolate, leve para gelar e depois utilize como desejar.

Pirão e Peixe

pirão

Peixe é um alimento fantástico – não requer horas do seu tempo e te rende um almoço ou jantar memorável. A versão apresentada por mim aqui hoje é super simples mas carregadíssima no quesito sabor. Você pode encontrar essa mesma versão servida em telhas no estado de Goiás e se for bater perna por lá não deixe de experimentar.

Para executar o prato – Peguei um quilo de postas de cação e temperei com sal maldon, pimenta moída na hora e um toquinho de suco de limão, em uma panela grande de ferro ou barro, faça camadas de tomates cortados em rodelas, pimentões coloridos cortados da mesma maneira e anéis de cebola, vai temperando as camadas com toquinho de sal e pimenta moídos na hora e cubra com o peixe, e vai fazendo as camadas até que termine todo seu peixe, regue com pouco de azeite de dendê tampe a panela e deixe no fogo baixo – até que o peixe esteja cozido, neste momento retire as postas de peixe com cuidado e reserve. Some a panela um bom punhado de coentro picado e uma garrafinha de leite de coco e com muito amor e paciência vá fazendo uma chuvinha de farinha de mandioca e mexendo com auxilio de fouet até que pirão ganhe consistência mas não coloque farinha demais para que não fique muito grosso. Então coloque uma boa colherada no fundo do prato e repouse a posta de peixe por cima, sirva com um arroz branquinho e aguarde o povo pirando o cabeção pessoal.

Ovos e um trucão

omelete de forno

Hoje bem que tentei aparecer por aqui mais cedo, mas foi impossível o dia foi mega maluco. Então uma passada rápida para deixar esse trucão que andou rodando o mundo dos internautas nas ultimas semanas, e é realmente uma mão na roda. Com um refogadinho de alho e sal sofrido no pilão com um tantinho de cebola picadinha em uma panela de fundo grosso e bem aquecida com um fio de azeite honesto – eu somei berinjelas e brócolis picadinho e um tantinho de tomates sem sementes e deixei tudo ficar al dente, reserve. Pegue uma assadeira de cupcakes, unte com manteiga ou azeite e coloque em cada cavidade um pouco do seu refogadinho e reserve. Bata a quantidade de ovos que precisa, coloque um toquinho de creme de leite, sal e pimenta moídos na hora e vai preenchendo as cavidades da forma já recheadas com o refogado, leve ao forno médio preaquecido até que ele esteja assadinho e douradinho.

*Gentemmm, o céu é o limite quando se fala em recheio desse omelete de forno, pode ser sobrinhas de carne de panela, sobra de frios, legumes congelados, tomate -queijo e manjericão e por aí vai……

O doce e o salgado – tudo ao mesmo tempo agora

damasco

Bom passei uns dias de castigo, sem poder postar aqui. Tudo isso por conta de computador que só durou 6 meses de vida e já deu os primeiros sinais da minha má escolha – mas isso é assunto para depois. Vou falar dessas asinhas de frango que ficam incrivelmente douradas e crocantes e com  sabor levemente adocicado e apaixonante. Desde que descobri através da minha diva Nigella que assar frango com uma boa colherada de uma geleia honesta é fazer uma parceria de sucesso, meu mundo mudou (rs).

Para executar a receita – 1q de asinhas de frango, temperadas com alho e sal sofrido no pilão, um toquinho de pimenta do reino, 1 colher (sobremesa) de shoyu, 1 colher (sobremesa) de geleia de damascos e um fio de azeite, misture tudo muito bem e deixe marinar por 1h – depois leve ao forno preaquecido até que esteja todo douradinho, é importante virar os pedaços de frango no meio do processo para que ele fique dourado por inteiro.

Comida de rua

rolando massinha

Tá na moda é moderninho, tem conceito e na grande maioria das vezes tem comida delícia – e quer saber?! Eu acho que comida de rua é arisca, porem carinhosa, é vira-lata mas gosta de ser vista – é singela, mais é orgulhosa dos pequenos detalhes. É sacana, mas diante dela somos todos iguais e isso tudo não é sensacional?!

comida_copacabana_rio

Fonte – Prazeres da Mesa.

Fonte – Rolando Massinha.